Marumby, valorizando a experiência.

  • Início
  • Sobre
  • Programação
  • Galeria
  • Contato
  • Equipe

    Ronaldo Franzen Nativo Iniciou suas atividades nas montanhas da Serra do Mar do Paraná em 1980. Atua como Coordenador Técnico da Marumby e é especialista em Montanhismo, Escalada, Técnicas e Resgate em Ambiente Vertical e Gestão da Segurança em atividades de aventura, atuando também como instrutor convidado em seminários técnicos, cursos de extensão e especializações nestas atividades. Participou do sistema de certificação em acesso por cordas, atingindo o nível 3, pela ABENDI (Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos e Inspeção) e manteve sua certificação até 2013. Organizou e participou de várias expedições nacionais e internacionais em caráter esportivo e educacional, destacando-se: primeira expedição brasileira ao Cáucaso na Rússia (1996); primeira expedição brasileira em estilo Alpino ao Monte McKinley no Alaska (1996); expedição brasileira à Face Sul do Aconcágua, na qual foi parceiro de Mozart Catão (1998); primeira repetição de nova via no Pilar Norte do Fitz Roy pela face oeste (2008), escalada do Fitz Roy pela face oeste (2012). É um dos fundadores e integrante do COSMO - Corpo de Socorro em Montanha, em funcionamento no Parque Estadual Marumbi desde 1996. Participou do corpo de instrutores da Escola Inglesa Outward Bound, uma das maiores instituições de educação experiencial ao ar livre do mundo.
    Simone Gonçalves Rodrigues Montanhista e praticante de cicloturismo desde 1995, iniciou na escalada em rocha em 2004. Formada em Ciências Contábeis pela UNIFAE - Centro Universitário Franciscano - Curitiba/PR, atuou 10 anos em consultorias judiciais econômico-financeiras e 2 anos na implantação de sistemas de gestão da qualidade e ambiental. Desde 2005 é sócia da Marumby Montanhismo, na qual desenvolve serviços de consultoria em turismo sustentável e de aventura, atuando também como monitora em capacitações vinculadas ao montanhismo e na coordenação administrativa. É voluntária do COSMO - Corpo de Socorro em Montanha em funcionamento no Parque Estadual Marumbi desde 2006. Em 2012 concluiu o curso de Guia de Turismo Regional Paraná. Participou do corpo de instrutores da Escola Inglesa Outward Bound.
    Alexandre Lorenzetto Pratica montanhismo desde 1993, tendo começado a escalar em 1994. Já escalou e praticou atividades vinculadas ao montanhismo em diversos Estados Brasileiros, nos Andes, Alpes, Pirineus, península ibérica em geral e África (Atlas). É Biólogo de profissão, formado no ano de 2000 em Curitiba-PR e com mestrado em Áreas Naturais Protegidas, concluído no ano de 2006 em Madri (Espanha). Grande partes de suas atividades como biólogo estão ligadas ao montanhismo, como no caso de atividades vinculadas ao Departamento Ambiental da Federação Paranaense de Montanhismo e atividades na Serra do Mar Paranaense e Campos Gerais; o mestrado realizado nos Pirineus (Parque Nacional Ordesa y Monte Perdido) e atividades na "Comissão de Uso Público de Parques de Alta-Montanha Argentinos (Região Patagônica e Mendoza). Nesta última, participou durante aproximadamente 2 meses de um trabalho voluntário no Parque Provincial Aconcágua (patrulha de resgate e atividades de gestão da área protegida). Atualmente participa como voluntário desta mesma comissão de Parques Argentinos, do Corpo de Socorro em Montanha - COSMO (Parque Estadual Marumbi), da Comissão de Auxílio do Clube Andino de Bariloche (membro inscrito) e da "Força-Tarefa pela Mantiqueira", que visa proteger àquelas importantes formações nos Estados de São Paulo e Minas Gerais. É instrutor da Marumby desde 2003.
    Amarildo José Domingues dos Santos Sargento Combatente, formado pela Academia Policial Militar do Guatupê, São José dos Pinhais/PR. É instrutor da Marumby desde 2004 em serviços e capacitações quem envolvem técnicas em ambiente vertical, além de participar de aulas de orientação e navegação terrestre. Participou de capacitações em Operações Especiais, realizada na Companhia de Polícia de Choque/Polícia Militar do Paraná; Técnicas em Ambiente Vertical, Iniciação ao Montanhismo e Prevenção de Acidentes e Auto-Resgate em Escalada em Rocha pela Marumby; Escalada em Rocha pelo Clube Paranaense de Montanhismo e do curso de Resgate em Montanha do COSMO - Corpo de Socorro em Montanha em 2005. É instrutor do ISIS (Instituto de Tática Defensiva) nas disciplinas de sobrevivência em ambiente vertical urbano e rappel tático e do IMAP (Instituto Municipal da Administração Pública), nas disciplinas de tiro policial, táticas defensivas, abordagens táticas e comportamento em situações de risco.
    Claudio André Jara Maia Iniciou na prática de Escalada em Rocha em 1995, sendo praticante de Escalada Esportiva e Tradicional. Freqüentador assíduo das montanhas da Serra do Mar e Arenitos dos Campos Gerais, tendo escalado em vários setores pelo Brasil, incluindo ES, PR, BA, SC, RS, SP, RJ, MT e MG. Bacharel em Administração – Comércio Exterior pela Universidade Positivo e Especializado em Análise Ambiental pela UFPR, realiza atualmente atividades de capacitação em trabalhos em altura. Possui capacitação e proficiência nas áreas de trabalho, resgate e supervisão em Altura e Espaços Confinados, conforme NR 33 e NR 35, trabalhando nestas atividades desde 1997. Atualmente desempenha a função de instrutor de atividades verticais possuindo certificação em acesso por cordas, nível 2, pela ABENDI (Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos e Inspeção), SNQC 15355 AC N2.
    Tiago Nunes Começou a praticar atividades junto à natureza, tais como: Montanhismo e Espeleoturismo no início dos anos 90. Em 1996 começou a praticar Caminhadas de Longo Curso, Cicloturismo e Escalada em Rocha, ano em que fez o Curso Básico de Escalada em Rocha pelo CPM e tornou-se frequentador assíduo dos afloramentos rochosos do Litoral Paranaense, Serra do Mar e Arenitos dos Campos Gerais para praticar escalada esportiva. Em 1997 participou como voluntario no Projeto Anhangava, realizando atividades de pesquisa com visitantes, manutenção de trilhas, combate a incêndios e resgates. Escalou em vários estados Brasileiros, incluindo PR, SC, RS, SP, RJ, GO, ES e MG. Em 2005 formou-se como Bacharel e Licenciado em Geografia pela Universidade Tuiuti do Paraná, desenvolveu Pesquisas Cientificas no Parque Estadual da Serra da Baitaca (PESB) entre 2002 e 2005. Em 2006 participou da Equipe Técnica que desenvolveu o Projeto de Recuperação e Manejo das trilhas do Morro do Canal. Formou-se no Curso Técnico de Guia de Turismo Regional do Paraná em 2013, e atualmente é instrutor de atividades verticais, inspetor de EPI’s para trabalho e resgate em altura, condutor e instrutor de esportes e atividades de aventura. Em 2015 formou-se em Técnico de Segurança do Trabalho e alcançou o N1 no sistema de certificação em acesso por cordas pela ABENDI (Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos e Inspeção).
    Tiaraju de Mesquita Fialho Bacharel em Ciências Biológicas com atuação profissional na área da Conservação da Natureza, tendo boa parte de seu trabalho vinculado a áreas montanhosas. Iniciou suas atividades no montanhismo em 1979. Em 1982 foi graduado guia de montanha pelo Clube Paranaense de Montanhismo (CPM) e em 1988 concluiu o curso de Guia de Turismo Regional Paraná. Desde essa época mantém atividade voluntária em ações de restauração de trilhas, combate a incêndios florestais e resgate de feridos em áreas montanhosas. De seu histórico de montanhista destacam-se: a 2ª ascensão ao pico Agudo do Cotia em 1987, 38 anos após a conquista. Três anos depois realizou a primeira escalada da parede norte desta mesma montanha (400m D5), considerada uma das mais inóspitas da Serra do Mar paranaense. Participou ainda da escalada da Face Norte do Pico do Siririca (450m D5 ) na mesma região serrana e escalou ainda e especialmente, na cidade do Rio de Janeiro, no Parque Nacional da Serra dos Órgãos (RJ), no Parque Nacional do Itatiaia (MG), no Parque Estadual dos Três Picos (RJ), na região do Monumento Natural da Pedra do Baú (SP), nas montanhas do Sul de Minas e na patagônia argentina. Em 2009 realizou o Curso de Escalada em Gelo e Trânsito em Glaciar, no Cerro Tronador. Em 2012 escalou a Agulha Guillaumet (400m, 30° 6b+) no maciço do monte Fitz Roy. Em viagem ao Deserto do Atacama em 2013 escalou o vulcão Licancabur (5.920m). É sócio-fundador da Associação de Montanhismo e Proteção da Serra da Mantiqueira, que atua desde 2012 na região.
    William Vieira Iniciou na atividade de escalada em 2005 no Rio Grande do Sul com seu primeiro curso de escalada básico. Formado em Educação Física em 2009, começou sua investida nos esportes de aventura pelo Iatismo, sendo velejador desde os sete anos de idade, sendo instrutor do Clube dos Jangadeiros por três anos. Já escalou em diferentes estados do Brasil: RS, PR, MG, RJ, BA entre outros, em escaladas esportivas e tradicionais. É voluntario do COSMO - Corpo de Socorro em Montanha no Marumbi - PR desde 2011. Diretor Geral do Ginásio de Escalada Campo Base e Técnico em Altura NR35. Trabalha com a Marumby desde 2011 como instrutor nas capacitações de escalada em rocha, aperfeiçoamento e no PAARE - Prevenção de Acidentes e Autorresgate em Escalada.
    David Rocha Iniciou suas atividades em montanha já aos 12 anos com sua primeira ascensão ao Pico do Paraná. Seguiu praticando montanhismo (principalmente na serra do ibitiraquire) espeleologia e cicloturismo por mais 15 anos. Em 2012 iniciou na escalada em rocha através do curso básico de escalada do CPM – Clube Paranaense de Montanhismo. Em 2016 concluiu o PAARE, capacitação prevenção de acidentes e autorresgate em escalada. Formado em Engenharia Mecânica pela UFPR, após trabalhar em diversas indústrias agora busca auto-realização pessoal e profissional trabalhando como carpinteiro e instrutor de escalada em rocha.